DATAGRO eleva produção de soja do Brasil para recorde de 126 milhões de t

5 de dezembro de 2019
Imagem-de-nishimura1123m-por-Pixabay.615
A produção brasileira de soja na safra 2019/20 tem projeção recorde de 126 milhões de toneladas, segundo estimativa da consultoria DATAGRO.

O volume representa uma alta de 8% ante a temporada 2018/19, que registrou 117,11 milhões de t. A produtividade média esperada é de 3.402 kg/ha. O recorde de produção anterior havia sido registrado na safra 2017/18, quando o Brasil totalizou 122,30 milhões de toneladas da oleaginosa. Esse volume inicialmente projetado mostra que o país poderá ultrapassar os Estados Unidos na produção da oleaginosa.

O salto na produção para mais de 125 milhões de t será possível por conta de uma elevação de 3% na área plantada do Brasil, de 36,06 milhões de hectares em 2018/19 para de 37,03 milhões hectares neste ano. O número confirma dados de intenção de plantio da DATAGRO de julho e estimativa de outubro.

Novos ajustes tendem a ser feitos nos próximos levantamentos, mas está claro que o produtor brasileiro irá mesmo aumentar o plantio de soja no país pelo 13º ano consecutivo. Em linha com o observado no ano passado”, afirma França Jr, coordenador da DATAGRO Grãos.

França explica ainda que o aumento de área deve ocorrer por todo o país na safra 2019/20, que tem plantio em andamento, mas as regiões Norte e Nordeste deverão apresentar maior intensidade. A elevação está relacionada, principalmente, com preços acima do padrão em 2018/19 e produtividade média elevada.

Desta vez a soja avança sobre áreas de cana-de-açúcar na região central, sobre áreas de pastagens em todo o país e áreas de abertura de cerrados, notadamente na região do MAPITOBA (Maranhão, Piauí, Tocantins e Bahia)”, afirma França Jr.

Esse incremento pode inclusive limitar a recuperação das cotações da soja no mercado internacional. O milho no Brasil também deve apresentar expansão nas áreas de verão e inverno, apesar de corte na expectativa anterior da DATAGRO.

A área do milho da safra de verão, 1ª safra, teve projeção altista de 2% ante a safra 2018/19, chegando a 4,44 milhões de hectares. A produção foi estimada em 27,07 milhões de toneladas. A projeção de produtividade média é de 6.100 kg/ha.

Já a área de milho 2ª safra, safrinha, do Brasil pode ter sua área de produção na temporada elevada em 3% ante a safra 2018/19, chegando a 13,76 milhões de hectares, de acordo com a atualização de safra da consultoria. A produção foi estimada em 76,21 milhões de toneladas. Uma alta de 3% ante a safra 2018/19. A estimativa de produtividade do cereal é de média de 5.540 kg/ha.

Quadro de oferta e demanda de soja em 2020 Diante da atualização nas projeções da safra 2019/20 de soja do Brasil, o quadro de oferta e demanda da oleaginosa para 2020 também sofreu mudanças, com a perspectiva inicial de estoques de passagem mais tranquilos.

Na soja, estamos projetando estoques finais subindo para 708 mil t, resultantes da combinação de 8% a mais de produção, 6% a mais de processamento e 8% a mais de exportações”, ressalta França Jr, coordenador da DATAGRO Grãos.

 

Fonte: Coopercitrus (03/12/2019).

Ilustração: Imagem de nishimura1123m por Pixabay


Sobre

A Abisolo, Associação Brasileira das Indústrias de Tecnologia em Nutrição Vegetal, foi fundada em março de 2003 com o objetivo de representar e defender os interesses das empresas produtoras de importantes insumos que colaboram para o aumento da sustentabilidade e produtividade agrícola brasileira.


Av. Paulista, 726 – Ed. Palácio 5ª Avenida Cj 1307 – Bela Vista

(11) 3251.4559


Categorias






2019 Abisolo- Todos os direitos reservados – Política de Privacidade