Agricultura de Precisão: Irrigação 4.0

31 de outubro de 2019
plant-site
A nova tecnologia da agricultura de precisão agora está associada à combinação em tempo real sobre clima, cultivo e solo, oferecendo diagnósticos precisos para a tomada de decisão do produtor rural. Ela tem um papel crucial na gestão da água.

Ultimamente o Brasil tem registrado diversos casos de crises hídricas em diversas regiões do país, que criam uma preocupação sobre o uso da água. Nesse sentido, a agricultura é colocada muitas vezes como a “vilã” da utilização dos recursos hídricos por conta da irrigação, competindo o abastecimento de água das cidades, com a irrigação das plantas.

No entanto, a atividade agrícola é de extrema importância na oferta de alimentos. Além de que, os desafios a agricultura atualmente, estão todos voltados para novas formas de produção, onde o foco é a utilização sustentável dos recursos. Ou seja, produzir mais, em menos espaço e menos água é o ponto chave para o desenvolvimento sustentável e uma grande preocupação para os agricultores e atuantes da área, especialmente em regiões em que a disponibilidade de terra arável e água são escassas.

Embora o Brasil tenha um bom volume de chuvas, favoráveis à produção agrícola, sua distribuição ao longo dos meses pode não acompanhar regularmente o ciclo das culturas, fazendo com que ocorra um déficit hídrico justamente no período em que a planta necessita de água. Sendo assim, a irrigação é primordial para que a planta complete o seu ciclo e o desenvolvimento de novas tecnologias que tornem o uso da água sustentável, utilizando somente o necessário para a produção é essencial. Isso garante o abastecimento da água o ano todo e proporciona à cultura, as condições ideais para a sua produção.

Por esta razão é que a agricultura de precisão é tão importante e, nesse segmento, foi criado a tecnologia de irrigação 4.0, é a primeira no mundo a combinar modelos de cultivos dinâmicos, com informações em tempo real, para disponibilizar relatórios que servirão de base para as tomadas de decisão no campo.

Uma junção da Netafim/Amanco, multinacional israelense líder e pioneira em irrigação por gotejamento, desenvolveu o inédito sistema de irrigação com cérebro, que consiste em monitorar, analisar e oferecer recomendações técnicas ao produtor.

Até então, o produtor poderia automatizar os processos de irrigação e/ou monitorar algumas informações de clima, previsão do tempo e condições de solo, mas, até então, essas funcionalidades nunca estiveram presentes em uma única plataforma, que ainda oferece recomendações de como e quando irrigar”, explica o Gerente de Digital Farming, Bruno Toniello.

Com a ajuda de um programa, o NetBeat, o produtor pode acompanhar tudo o que está acontecendo na fazenda e programar as operações de manejo de irrigação, fertirrigação por vias remotas, através do smatphone, tablete ou computador.

O sistema funciona através de sensores que captam informações de clima, desenvolvimento das plantas e condições do solo, a tecnologia possibilita ter mais precisam nos processos e, consequentemente, otimizar todos os recursos da propriedade rural, como água, energia elétrica, mão de obra, entre outros. De acordo com Toniello a plataforma é revolucionária, uma vez que busca ajudar o agricultor a produzir mais com menos, tornando o manejo da água e de todos os componentes da lavoura, mais rápido, prático e seguro.

 

Fonte: AF News (30/10/2019).

ilustração: Natureza foto criado por freepik – br.freepik.com


Sobre

A Abisolo, Associação Brasileira das Indústrias de Tecnologia em Nutrição Vegetal, foi fundada em março de 2003 com o objetivo de representar e defender os interesses das empresas produtoras de importantes insumos que colaboram para o aumento da sustentabilidade e produtividade agrícola brasileira.


Av. Paulista, 726 – Ed. Palácio 5ª Avenida Cj 1307 – Bela Vista

(11) 3251.4559


Categorias






2019 Abisolo- Todos os direitos reservados – Política de Privacidade