Cobre opera em alta com novo otimismo de negociação comercial entre EUA e Pequim

14 de novembro de 2018
cobre5-e1529412752624
O preço do cobre em Nova York opera em alta em meio a uma nova onda de otimismo comercial entre os EUA e a China.

O cobre para dezembro avançava 1,55%, a US$ 2,7180 a onça-troy, na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex).

Uma nova dose de otimismo em torno de possíveis negociações comerciais entre Washington e Pequim foi o principal motor dos preços dos metais básicos hoje, disse Alastair Munro, corretor da Marex Spectron, em nota.
Os investidores ficaram entusiasmados com a notícia de que o secretário do Tesouro dos EUA, Steven Mnuchin, conversou com o vice-premier chinês, Liu He, sobre um acordo para aliviar as tensões comerciais antes de uma reunião entre o presidente americano, Donald Trump, e o presidente da China, Xi Jinping, marcada para o final do mês durante a reunião do G-20 em Buenos Aires.

Como a China é o maior comprador de cobre do mundo, um acordo comercial beneficiaria o país como um todo e aumentaria as compras pelo metal.

Entre os metais básicos, o alumínio subia 0,52% para US$ 1.947 a tonelada métrica, o estanho ganhava 0,52% para US$ 19.330 a tonelada métrica, o níquel tinha alta de 1,15% para US$ 11.475 a tonelada e o chumbo avançava 0,13% para US$ 1.923 a tonelada métrica.

Fonte: Isto É (13/11/2018)


Sobre

A Abisolo, Associação Brasileira das Indústrias de Tecnologia em Nutrição Vegetal, foi fundada em março de 2003 com o objetivo de representar e defender os interesses das empresas produtoras de importantes insumos que colaboram para o aumento da sustentabilidade e produtividade agrícola brasileira.


Av. Paulista, 726 – Ed. Palácio 5ª Avenida Cj 1307 – Bela Vista

(11) 3251.4559


Categorias






2019 Abisolo- Todos os direitos reservados – Política de Privacidade