Cobre opera sem direção única, com dólar forte e fechamento de fábrica na Índia

29 de maio de 2018
copper-1504098_640
Os contratos futuros de cobre operam sem direção única, pressionados pela forte valorização do dólar enquanto monitoram o fechamento de uma fábrica de fundição de cobre na Índia.

Os contratos futuros de cobre operam sem direção única na manhã desta terça-feira (29/05), pressionados pela forte valorização do dólar enquanto monitoram o fechamento de uma fundição de cobre na Índia.

Na London Metal Exchange (LME), a tonelada do cobre para três meses operava em queda de 0,15%, a US$ 6.847,50 por volta das 7h45 (de Brasília). Já na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o cobre para entrega em julho subia 0,10%, para US$ 3,0805 por libra-peso.

Nesta terça-feira (29/05), o Estado indiano de Tâmil Nadu ordenou que a Vedanta Resources fechasse sua fundição de cobre depois dos confrontos semana passada com a polícia. A usina contribui com aproximadamente 400 mil toneladas de cobre por ano para o suprimento global.

Além disso, o dólar se fortalece em relação a outras divisas consideradas fortes, como o euro e a libra, favorecido por um movimento de aversão a risco gerado por turbulências políticas na Europa. A Itália está tentando formar um novo governo, após o bloqueio de uma coalizão de partidos populistas, mas está sujeita a realizar novas eleições já nos próximos meses, no que poderá acabar se tornando uma espécie de plebiscito sobre a permanência do país na zona do euro. Já na Espanha, o governo do primeiro-ministro Mariano Rajoy enfrentará uma moção de censura no fim desta semana.

Entre outros metais básicos, o alumínio caía 0,46%, a US$ 2.256,00 por tonelada; o zinco subia 0,85%, a US$ 3.078,50 por tonelada; o níquel avançava 0,58%, a US$ 14.825,00 por tonelada; o estanho ganhava 1,72%, a US$ 20.695,00 por tonelada.

 

Fonte: Isto É (29/05/2018)


Sobre

A Abisolo, Associação Brasileira das Indústrias de Tecnologia em Nutrição Vegetal, foi fundada em março de 2003 com o objetivo de representar e defender os interesses das empresas produtoras de importantes insumos que colaboram para o aumento da sustentabilidade e produtividade agrícola brasileira.


Av. Paulista, 726 – Ed. Palácio 5ª Avenida Cj 1307 – Bela Vista

(11) 3251.4559


Categorias






2019 Abisolo- Todos os direitos reservados – Política de Privacidade