MS dá largada para safra 2018/2019 de soja com meta de plantar 3 milhões de hectares

19 de setembro de 2018
beneficio-soja-758x426 (1)
O plantio da safra 2018/2019 de soja foi aberto oficialmente na manhã desta segunda-feira (17/09), na fazenda Jaraguá, em Terenos, a 20 quilômetros de Campo Grande.

Mato Grosso do Sul dá a largada neste ciclo com a meta, segundo a Associação dos Produtores da oleaginosa (Aprosoja/MS), de atingir 3 milhões de hectares, 4% a mais que os 2,8 milhões de hectares da temporada passada e atingir uma produção de 10 milhões de toneladas, 4,1% a mais que as 9,6 milhões de toneladas da safra passada.

Segundo o presidente da Aprosoja/MS, Juliano Schmaedecke, essa projeção otimista se deve além do incremento de área aos investimentos dos produtores em tecnologia e vai depender ainda dos fatores climáticos. Entretanto, ele destaca como um dos principais entraves que os agricultores deverão superar neste ciclo o ataque de pragas e doenças e ainda a insegurança jurídica provocada por questões como o tabelamento do frete.

O presidente da Aprosoja Brasil, Bartolomeu Braz Pereira, comenta que a projeção inicial da entidade para esta safra também indicava um aumento de 4% na área, mas que diversos fatores furaram o entusiasmo dos produtores. Desse modo, a perspectiva atual é da manutenção da área e da produção do ciclo passado.

Tudo caminha para uma estabilidade de produção. Questões como o uso do glifosato (primeiro proibido e depois liberado), tabelamento do frete, variação do dólar, aumento do custo de produção e efeitos do possível El Niño, indicam esse equilíbrio”, explicou.

O presidente do Sistema Famasul, Mauricio Saito, destacou, por sua vez,que diante dessa situação o produtor precisa cada vez mais cuidar da gestão do seu negócio, acompanhando os preços para a aquisição dos insumos e depois para a venda da soja, para no momento que considerar mais adequado fazer o travamento dos preços.
Saito destaca ainda que os as turbulências que o produtor enfrentou no passado ajudaram a caleja-lo para enfrentar esse momento.

Fonte: G1 (17/09/2018)


Sobre

A Abisolo, Associação Brasileira das Indústrias de Tecnologia em Nutrição Vegetal, foi fundada em março de 2003 com o objetivo de representar e defender os interesses das empresas produtoras de importantes insumos que colaboram para o aumento da sustentabilidade e produtividade agrícola brasileira.


Av. Paulista, 726 – Ed. Palácio 5ª Avenida Cj 1307 – Bela Vista

(11) 3251.4559